STF arquiva processos contra Kassab por doações da Odebrecht não declaradas

EMAIL

ARQUIVO

O Supremo Tribunal Federal (STF) arquivou dois processos envolvendo o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab. O julgamento aconteceu no plenário virtual e foram concluídos na última sexta-feira (22). O placar foi de 6 votos favoráveis e 4 contrários à absolvição do político.

As decisões ocorreram no âmbito de dois processos envolvendo doações não declaradas feitas pela empreiteira Odebrecht (atual Novonor) ao político.

Gilmar Mendes, André Mendonça, Edson Fachin, Kassio Nunes Marques e Luiz Fux acompanharam o relator do caso, Dias Toffoli, pela absolvição de Kassab. Os demais magistrados votaram de forma contrária.

Cristiano Zanin se declarou impedido de votar por ter atuado como advogado em processos referentes à Lava Jato.

As denúncias contra Kassab começaram a ser julgadas em 2017 no STF, após a PGR apresentar denúncia contra o então ministro da Ciência e Tecnologia por recebimento indevido de R$ 20 milhões em doações de campanha feitas pela empreiteira entre 2008 e 2014. No período, Kassab ocupou a Prefeitura de São Paulo (2008-2012).

Por Gazeta Brasil

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top