Apple negocia parceria com o Google para embarcar IA do Gemini em iPhones

EMAIL

ARQUIVO

A Apple (AAPL) está em negociações para integrar a ferramenta de inteligência artificial Gemini, do Google, ao iPhone, segundo pessoas familiarizadas com a situação que falaram à Bloomberg News, preparando o terreno para um acordo de grande impacto que abalaria a indústria de IA.

As duas gigantes de tecnologia estão em negociações ativas para permitir que a Apple licencie o Gemini, conjunto de modelos de IA generativa do Google, para alimentar algumas novas funcionalidades que chegarão ao software do iPhone neste ano, disseram as fontes, que pediram para não serem identificadas porque as deliberações são privadas.

Se um acordo entre a Apple e o Google (GOOG) se concretizar, ele terá como base uma parceria de busca entre as duas empresas. Por anos, o Google, da Alphabet, pagou à Apple bilhões de dólares anualmente para tornar seu mecanismo de busca a opção padrão no navegador Safari do iPhone e outros dispositivos.

As ações da Alphabet subiram até 7,4% nesta segunda-feira na abertura dos mercados em Nova York. Foi o maior ganho intradiário desde 2 de fevereiro de 2023. As ações da Apple, por sua vez, estavam com 2,2% de alta. Um acordo daria ao Gemini uma vantagem-chave com bilhões de usuários potenciais.

A Apple está preparando novas capacidades como parte do iOS 18 – a próxima versão do sistema operacional do iPhone – com base em seus próprios modelos de IA. Mas essas melhorias serão focadas em recursos que operam em seus dispositivos, em vez daqueles entregues via nuvem. Desde o início do ano passado, a Apple vem testando seu próprio grande modelo de linguagem (LLM) – a tecnologia por trás da IA generativa –, de codinome Ajax. Alguns funcionários também têm experimentado um chatbot básico chamado Apple GPT.

Tim Cook, CEO da Apple, prometeu um grande anúncio de IA neste ano. Ele disse aos investidores que a empresa lançaria recursos transformadores que “quebram novos paradigmas”. O plano é especialmente importante, pois investidores buscam novas fontes de crescimento na fabricante do iPhone, que cancelou um projeto para desenvolver um carro autônomo no início deste ano. Alguns engenheiros desse projeto foram realocados para a divisão de inteligência artificial.

No ano passado, Cook disse que usa pessoalmente o ChatGPT da OpenAI, mas indicou que há “uma série de questões que precisam ser resolvidas”. Ele prometeu que novos recursos de IA chegariam às plataformas da Apple de forma “muito ponderada”.

Ao terceirizar os recursos de IA generativa para outra empresa, Cook também está potencialmente reduzindo a responsabilidade de sua plataforma. Os recursos de IA generativa em discussão seriam teoricamente incorporados à Siri e a outros aplicativos. Novas capacidades de IA baseadas nos modelos internos da Apple, enquanto isso, ainda seriam integradas ao sistema operacional. Elas se concentrarão em fornecer proativamente informações aos usuários e realizar tarefas em seu nome em segundo plano, disseram pessoas familiarizadas com o assunto.

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

contato.serido360@gmail.com

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top