Seminário discute segurança hídrica para o Nordeste

EMAIL

ARQUIVO

O Seminário Internacional sobre a Iniciativa de Segurança Hídrica para o Nordeste (ISHN) marca o lançamento de uma importante parceria entre o Banco Mundial e os nove estados nordestinos. O evento, programado para 26 e 27 de março, no Hotel Verdegreen, em João Pessoa (PB), tem como objetivo promover um processo estruturado de mobilização. O seminário dará início as discussões sobre a gestão sustentável da infraestrutura hídrica e o gerenciamento de recursos hídricos em tempos de seca.

A ISHN deverá estimular a troca de experiências e conhecimentos, acesso a boas práticas e inovações internacionais, discussão de desafios comuns e regionais, e a identificação de uma agenda integrada de ações políticas para abordar as questões de segurança hídrica na região.

A iniciativa faz parte do Memorando de Entendimento (MdE) assinado entre o Banco Mundial e o Consórcio Nordeste, alinhado com as prioridades da atual presidente da entidade, governadora Fátima Bezerra (RN), de mitigar os efeitos do El Niño na região.

O evento formalizará o arranjo institucional para a continuação da ISHN, acordará uma agenda de temas futuros e identificará possíveis apoios do Banco Mundial. São esperados aproximadamente 50 representantes de instituições ligadas ao tema da água nos governos estaduais do Nordeste e no governo federal.

O público-alvo inclui gestores públicos, secretários de estado e dirigentes das agências de água nos estados, bem como representantes de órgãos federais como a Secretaria de Segurança Hídrica do Ministério da Integração e Desenvolvimento Regional, Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (CODEVASF), Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), Ministério do Meio Ambiente, Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) e Casa Civil.

“No Brasil, os desafios da segurança hídrica vêm crescendo com os impactos das mudanças climáticas, demandando soluções mais complexas e integradas. Há várias décadas, o Banco Mundial tem apoiado os estados da Região Nordeste a lidar com estes desafios por meio de investimentos, assistência técnica, conhecimento e soluções inovadoras. Nesta nova etapa, buscamos continuar fortalecendo esta parceria e avançar na busca do uso sustentável dos recursos hídricos, acesso aos serviços e aumento da resiliência”, afirmou Johannes Zutt, diretor do Banco Mundial para o Brasil.

“A maior parte da Região Nordeste está no Semiárido e requer um cuidado permanente e investimentos constantes por parte dos governos: federal, estaduais e municipais. A contribuição do Banco Mundial em fomentar e promover um evento dessa natureza é sem dúvida muito importante. Haverá a troca de experiências entre os estados, e a expertise do Banco Mundial trará inovações na área tecnológica e apoio no enfrentamento às adversidades climáticas, por se tratar de uma região seca que carece de aplicações de novas experiências na segurança hídrica”, comentou o secretário de Estado da Infraestrutura e dos Recursos Hídricos da Paraíba, Deusdete Queiroga.

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

contato.serido360@gmail.com

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top