Secretaria dividirá Mossoró em polos para vacinação contra aftosa

EMAIL

ARQUIVO

A Secretaria Municipal de Agricultura e Desenvolvimento Rural (SEADRU) vai dividir Mossoró em quatro polos para a vacinação do rebanho contra a febre aftosa. A campanha de imunização dos começa no próximo dia 1° de junho.

O secretário Faviano Moreira destaca que o município vai ser dividido em quatro áreas com duas equipes. Os polos serão da Maísa, da Alagoinha, do Hipólito e de Sussuarana.

“Nós vamos trabalhar com duas equipes e as comunidades vão ser dependentes desse envio da relação do Idiarn. Tão logo essa lista chegue a gente faz o cronograma de vacinação. Nós vamos dividir Mossoró em quatro áreas, quatro polos. Os polos serão necessariamente o polo Maísa, polo Alagoinha, polo Hipólito e polo Sussuarana”.

O titular da pasta informou que a secretaria está ultimando os preparativos para a vacinação e que espera somente a lista atualizada de produtores para fazer divulgar o cronograma.

“O cronograma está sendo organizado e estamos para receber a última atualização dos produtores via Idiarn (Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária). Com essa nova atualização nós vamos organizar o cronograma para fazermos a divulgação para que os produtores deixem seus animais presos para que nossa equipe possa fazer a vacinação”.

A campanha apresenta como pré-requisito que o produtor tenha até 25 animais para que ele seja considerado um pequeno produtor e que esteja com o cadastro atualizado junto ao órgão estadual, que promove e executa a defesa animal, vegetal e inspeção de produtos de origem agropecuária no estado.

A regularização do rebanho bovino é essencial para que o produtor possas ter acesso a linhas de créditos, emissão de GTA com finalidade de venda ou abate animais e evitando multas e contribuindo para que o Rio Grande do Norte evolua no status sanitário da Febre Aftosa.

A Febre aftosa é uma doença infecciosa aguda que causa febre, seguida pelo aparecimento de vesículas (aftas) – principalmente na boca e nos pés de animais de casco fendido.

A doença é causada por um vírus. A transmissão da doença é por via aérea e pode ocorrer sob condições favoráveis de clima e que também pode se espalhar por consideráveis distâncias.

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

contato.serido360@gmail.com

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Rolar para cima