MP afirma que soltura de Wendel Lagartixa pode significar “intranquilidade” no RS, diz jornal

EMAIL

ARQUIVO

O Ministério Público da Bahia afirmou no pedido de prisão preventiva do policial militar reformado Wendel Lagartixa, que a soltura dele poderia representar “intranquilidade” na Bahia, no Brasil e no próprio Rio Grande do Sul, para onde Lagartixa estava indo quando foi flagrado num carro com arma de fogo. O pedido foi formulado pela promotora Milena Moreschi de Almeida.

Wendel Lagartixa afirmou em vídeo divulgado nas redes sociais, ainda na sexta-feira (10), quando estava indo para a delegacia explicar a arma ilegal encontrada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), que ela era necessária, justamente, porque ele e os demais estavam indo em direção ao RS, onde estavam acontecendo assaltos e estupros. Veja no vídeo no início do post.

“PORTANTO, EM NOSSO SENTIR, A COLOCAÇÃO DO FLAGRANTEADO EM LIBERDADE TERIA O CONDÃO DE CAUSAR INTRANQUILIDADE SOCIAL NA BAHIA, NO BRASIL, BEM COMO NO RS, para onde a parte se deslocava armada (local onde ocorre situação de desastre natural), O QUE PODERIA CAUSAR TAMBÉM SÉRIO AGRAVO NA CREDIBILIDADE DAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS, O QUE NÃO PODE SER TOLERADO”, afirmou a promotora, em letras maíusculas.

Além dos argumentos, o pedido do MPBA também cita a “ficha criminal” de Wendel Lagartixa, os processos que já respondeue e que já foi condenado e a suspeita de triplo homicídio na Redinha, zona Norte de Natal.

De acordo com a promotora Milena Moreschi de Almeida, inclusive, Wendel Lagartixa não demonstraria “qualquer apreço pela lei ou pela ordem, o qual fez pouco caso das autoridades públicas, de modo a colocar em xeque a credibilidade do Poder do Estado, proclamando, assim, a sociedade da barbárie”.

PRISÃO PREVENTIVA

Com base nesse pedido do MPBA, o juiz Eduardo Ferreira Padilha proferido a prisão preventiva de Wendel Lagartixa ainda no sábado (11), poucas horas depois de conceder a liberdade para ele.

Por 96FM

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

contato.serido360@gmail.com

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top