Chefe do tráfico no Jacarezinho fugiu de operação vestido de mulher

EMAIL

ARQUIVO

Apontado pela polícia como líder do tráfico na favela do Jacarezinho, na zona norte do Rio, Felipe Ferreira Manoel, o Fred do Jacarezinho, é procurado e há recompensa para quem der informações sobre seu paradeiro.

De acordo com investigadores, Fred ordenou o ataque aos policiais durante a operação Exceptis e, durante os confrontos que deixaram 28 mortos, entre eles o policial civil André Frias, o criminoso fugiu da comunidade disfarçado, vestido de mulher.

De acordo com relatório de inteligência da operação ao qual o Metrópoles teve acesso, Fred divide a liderança da favela do Jacarezinho com Adriano de Souza Freitas, conhecido como Chico Bento ou Mãozinha.

Ele é um criminoso foragido do Sistema Penitenciário e possui quatro mandados de prisão em aberto, fruto das 13 anotações criminais em seu “currículo” pelos crimes de homicídio qualificado, tráfico de drogas, associação para o tráfico e roubo.

O relatório da inteligência policial também aponta Sandra Helena Ferreira, a Sandra Sapatão, como líder da venda de drogas na favela, completando a trinca de bandidos que dividem o controle do território.

Chico Bento tem quatro mandados de prisão em aberto e 14 anotações criminais por homicídio qualificado, tráfico de drogas, associação para o tráfico e roubo. Já Sandra Sapatão conta com três mandados de prisão pendentes.

Segundo a polícia, o criminoso está refugiado na comunidade do Mandela, vizinha ao Jacarezinho, também na zona norte. A fuga permitiu que ele escapasse da ação mais letal da história do Rio.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, os 27 mortos têm ligações com o crime organizado. Na ação, três policiais civis também ficaram feridos no tiroteio, além de dois passageiros do metrô atingidos dentro do vagão.

O MPRJ criou, na manhã de terça-feira (11/5), uma força-tarefa para investigar a ação da polícia durante a operação. Ela será coordenada pelo promotor André Luís Cardoso. O grupo vai apurar a conduta dos policiais durante a operação.

Por Metrópoles

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

contato.serido360@gmail.com

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Rolar para cima