CGU detecta possível falha em pagamento de R$ 3,3 bilhões de benefício social

EMAIL

ARQUIVO

A Controladoria-Geral da União (CGU) apontou possíveis fragilidades no pagamento de R$ 3,3 bilhões pelo Benefício de Prestação Continuada (BPC) pelo INSS em 2020.

De acordo com o colunista da revista Época Guilherme Amado, os auditores identificaram possíveis falhas em R$ 277,6 milhões pagos a 265,7 mil beneficiários por mês em 2020. A fatia equivale a 5,7% de toda a folha de pagamento anual do BPC, estimada em cerca de R$ 58 bilhões.

O BPC é um benefício assistencial do governo federal pago a idosos e pessoas com deficiência de baixa renda. Os recursos destacados pela CGU foram repassados, segundo a coluna, para pessoas com inconsistência no cadastro; com indícios de que possuam renda familiar acima dos limites; e acúmulo irregular de benefícios do governo.

“Existem fragilidades na gestão e na operacionalização do Benefício de Prestação Continuada, especialmente em relação à concessão, manutenção e revisão dos benefícios, situação identificada a partir de cruzamento de informações registradas em sistemas”, afirmou o relatório.

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

contato.serido360@gmail.com

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Rolar para cima