Vistoria que cancelou show de Roberto Carlos aponta 18 falhas críticas

EMAIL

ARQUIVO

Foram 18 o total falhas críticas aferidas pelo Corpo de Bombeiros em uma vistoria nas instalações do Estádio do Pacaembu, na zona sul da capital, que fizeram a Prefeitura a cancelar o show de Roberto Carlos poucas horas antes de o espetáculo acontecer, na última sexta-feira (19/4).

Rebatizada de Mercado Livre Arena Pacaembu após o processo de privatização levado à cabo em 2019, na gestão de Bruno Covas (PSDB, morto em 2021), o estádio recebeu um espaço para shows subterrâneo, que receberia o “Rei” e seus fãs nestas sexta.

O show de Roberto Carlos seria o primeiro espetáculo no local desde a privatização – a inauguração sofreu atrasos porque o espaço foi transformado em hospital de campanha durante a pandemia de Covid e ajudou a salvar a vida de milhares de pessoas.

Contudo, um laudo assinado pelo coronel dos Bombeiros Alexandre Merlin, que o Metrópoles teve acesso neste domingo (21/4), colocou em xeque a segurança do novo espaço, que precisará de ajustes para virar a casa de shows imaginada pelos novos controladores do estádio, que abriu a Copa do Mundo de 1950, a primeira sediada no Brasil.

Como o barulho dos shows incomodava os endinheirados vizinhos do estádio – o Pacaembu é um bairro residencial protegido por uma série de regras urbanísticas em São Paulo e ocupado por mansões –, a saída de um espaço subterrâneo parecia adequada para o novo espaço privatizado.

Por que Roberto Carlos foi cancelado

Mas, quando os bombeiros foram conferir a segurança dessa nova área, acharam uma lista de problemas. Veja a lista de todos eles:

  1. Casa de Bombas de incêndio não estava compartimentada
  2. Não havia dados de vazão e pressão de hidrantes e chuveiros automáticos
  3. O sistema de hidrantes estava despressurizado
  4. As bombas reservas, a diesel, não estavam instaladas
  5. As reservas de incêndio a diesel não estavam instaladas
  6. As tomada de ar não foram concluídas, ainda não estão construídas
  7. As compartimentações descritas em plantas não foram concluídas, estão abertas em vários pontos e, em sua maioria, foi instalada apenas uma placa de gesso acartonada
  8. As caixas de elevadores estão abertas, não foram instaladas e não estão compartimentadas
  9. Havia rotas de fuga obstruídas por andaimes instalados no piso de descarga
  10. A instalação da central de alarmes não foi concluída, estava em manutenção no momento da vistoria. Os técnicos informaram que estava interligado a laços dos detectores e acionadores manuais
  11. A instalação dos ramais de chuveiros automáticos não estava concluída
  12. Havia shafts abertos em todas as tubulações de hidráulica e elétrica vistoriadas
  13. O sistema de ventilação e extração de fumaça não foram instaladas
  14. O sistema de pressurização das escadas não foi instalado
  15. Os dutos de ventilação não estavam instalados
  16. As salas de pressurização não estavam compartimentadas
  17. As portas corta-f0go previstas em projeto não estavam instaladas
  18. As chaves de fluxo não estavam interligadas com a central de alarme

No documento, o coronel afirmou que, caso o show ocorresse, seria “em total revelia ao Corpo de Bombeiro”.

Neste sábado, o prefeito Ricardo Nunes (MDB) disse que cancelou o show “com dor no coração” e que queria, ele mesmo, ter comparecido à apresentação. Mas que não tinha condições de liberar o espetáculo diante de tal relatório dos bombeiros.

O Metrópoles tentou, sem sucesso, localizar representantes da Mercado Livre Arena Pacaembu para comentar o relatório do Corpo de Bombeiros. O espaço segue aberto a manifestações.

Por Metrópoles

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

contato.serido360@gmail.com

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top