Postagem da advogada pode ajudar a identificar grupo que a assassinou, revela reportagem

EMAIL

ARQUIVO

A postagem feita pela advogada Brenda Oliveira, minutos antes de ser assassinada ao sair da delegacia de Santo Antonio, acompanhada do cliente dela, pode ajudar nas investigações sobre quem premeditou o duplo homicídio. Pelo menos, foi o que afirmou a Polícia Civil do RN.

Em reportagem do portal R7, horas antes de ser assassinada, a advogada publicou em uma rede social, uma foto com a legenda: “A sociedade e sua mania de condenar o indivíduo apenas com base no ‘disse me disse'”. Segundo a polícia, a postagem pode ajudar nas investigações, que possam ter motivado o crime. O “como”, no entanto, não foi divulgado pela investigação, mas acredita-se que seja por meio da visualização do post.

Mais cedo, o Portal 96 e o Metendo a Colher destacaram a postagem, feita em tom de desabafo pela advogada. De acordo com o delegado Thyago Batista, o cliente de Brenda Oliveira, Janielson Nunes, teve a foto compartilhada em grupos de Whatsapp. Contudo, não havia elementos suficientes para acreditar que ele foi o responsável pelo assassinato do vaqueiro João Victor, de 19 anos, ocorrido no sábado (31).

O delegado Thyago Batista, inclusive, destacou que o suspeito já havia se apresentado na segunda-feira, logo após o homicídio do vaqueiro, e foi “dispensado” para se apresentar novamente numa data futura. “A gente iria ouvi-lo quando tivessemos mais elementos para o interrogatório”, explicou o delegado.

Portal da 96 FM

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top