Mudança climática reduz PIB brasileiro em 0,1% ao ano e atrasa desenvolvimento, diz secretário

EMAIL

ARQUIVO

Dos eventos extremos que atingiram o Acre, o litoral paulista e mais recentemente o Espírito Santo, aos desequilíbrios que prejudicam a safra do agronegócio, calcula-se que o Brasil perde 0,1% do Produto Interno Bruto (PIB) a cada ano como resultado das mudanças climáticas.

Secretário-executivo do Ministério do Meio Ambiente, João Paulo Capobianco é quem menciona o dado, calculado pelo Banco Mundial em 2022.

Em entrevista à CNN, o biólogo reforça: “O Brasil perde recursos significativos e necessários ao seu crescimento e desenvolvimento por conta das mudanças climáticas”.

Em um dos efeitos visíveis, o chamado “Super El Niño” — impulsionado por alterações no clima —, leva a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) a revisar repetidamente para baixo sua previsão para a safra 2023/2024.

Motor do crescimento econômico brasileiro no ano passado, o agronegócio perde potência em meio ao processo.

Por CNN Brasil

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top