Joelma tem nome colocado em lista da PF, cachê penhorado e apontamento de fraude; Entenda o caso

EMAIL

ARQUIVO

A cantora Joelma enfrenta novas dificuldades judiciais em meio a processos trabalhistas nos quais é ré, juntamente com seu ex-marido Ximbinha. O juiz da 11ª Vara do Trabalho do Recife, Gustavo Augusto Pires de Oliveira, determinou a apreensão do passaporte da artista e sua inclusão na lista da Polícia Federal para evitar que ela deixe o país.

A decisão do juiz foi tomada com base no princípio da efetividade, visando garantir que Joelma não saia do país enquanto as pendências judiciais não forem resolvidas. Além disso, determinou-se o bloqueio de parte do cachê de um dos shows da cantora, no valor de R$ 125 mil, para pagamento de dívidas trabalhistas.

Essas medidas fazem parte de um processo movido pelo antigo empresário da banda Calypso, Fábio Henrique Izaias, a quem Joelma e Ximbinha devem cerca de R$ 1,2 milhão. O juiz também aponta suspeitas de fraude por parte da artista, que teria operado seus shows através de uma empresa aberta com sua filha, Natália Sarraff, para ocultar contratos e pagamentos.

Joelma e Ximbinha afirmam que não possuem bens disponíveis para penhora, alegando que fazem parte de uma partilha que ainda não foi concluída no processo de divórcio litigioso que se arrasta desde 2015. O juiz criticou a conduta da cantora, alegando que ela continua realizando shows pelo país e ocultando seus ganhos, demonstrando falta de cooperação com o Poder Judiciário.

Por Portal Leo Dias

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

contato.serido360@gmail.com

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top