Em 2021, 1.334 acidentes em rodovias federais no RN deixaram 101 vítimas fatais

EMAIL

ARQUIVO

Em 2021, foram registrados 1.334 acidentes nas rodovias federais que cortam o Rio Grande do Norte. As ocorrências deixaram 1.101 vítimas, entre mortos e feridos. Os dados constam no Painel CNT de Consultas Dinâmicas dos Acidentes Rodoviários.

O relatório aponta que o número de acidentes em 2021 é semelhante ao de 2020, quando foram 1.333 ocorrências. Em média, foram 73 acidentes com vítimas a cada 100 km de rodovia no ano passado. Somente no ano passado, foram 101 mortes nas rodovias federais no RN, sendo 9 mortes para cada 100 acidentes.

Ao todo, entre 2007 e 2021, o RN teve 39.922 acidentes, sendo 19.228 com vítimas. Nesse período, 2011 registrou o maior número de acidentes: 4.083. Já o ano com mais acidentes com vítimas foi 2013, com 1.544; as ocorrências sem vítimas tiveram ápice em 2011, com 2.528. Os dados apontam 2.274 vidas perdidas no intervalo.

Em 2013, 208 pessoas morreram em rodovias federais no RN. No ano anterior, foram 207, sendo os ano com mais mortes. Em 2019, foram 90 vítimas fatais, sendo o menor número analisado. Na região Nordeste, foram registrados 11.012 acidentes com vítimas e 1.675 mortes em 2021.

Acidentes mais frequentes

Os acidentes mais frequentes nas rodovias federais no estado são colisão, atropelamento, capotamento/tombamento, saída de pista, queda de ocupante de veículo, eventos atípicos, derramamento de carga e incêndio. As mortes acontecem mais nas colisões e nos atropelamentos.

A BR-101 foi a rodovia com maior número de acidentes em 2021. Ao todo, foram 478 acidentes com vítimas. No entanto, a BR-304 foi a rodovia mais fatal, com 28 falecimentos.

De acordo com o relatório, o custo anual estimado dos acidentes ocorridos em rodovias federais no Rio Grande do Norte chegou a R$ 249,54 milhões no ano passado. Os acidentes com vítimas geraram custo de R$ 148,3milhões. Os acidentes com mortes somaram R$ 92,9 milhões e os acidentes sem vítimas tiveram custo de R$ 8,3 milhões.

Os dias da semana com mais acidentes foram o sábado (174) e a sexta-feira (172), com o domingo em seguida (163). O domingo, inclusive, foi o dia com mais mortes nas rodovias (23), seguido de sexta-feira (19) e sábado (16).

O documento apontou ainda que a maioria dos mortos tinha mais de 45 anos. As outras faixas etárias que se destacam são de 26 a 35 anos (26 mortes) e de 36 a 45 anos (25 mortes). Motocicletas (42) e automóveis (35) tiveram os maiores números de mortos. Entre as vítimas fatais, 87 eram homens e 14 eram mulheres.

Por Portal da Tropical

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top