Casos de feminicídios no RN crescem 50% de 2022 para 2023

EMAIL

ARQUIVO

O Rio Grande do Norte teve uma variação de 50% nos casos de feminicídios quando comparados os dados de 2022 e 2023. As informações são do relatório publicado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), nesta quinta-feira (7).

Em 2022, o RN registrou 16 casos de feminicídios em números absolutos, no ano seguinte esse número passou para 24. Ou seja, um aumento de 50%.

Entre os estados do Nordeste, RN e Ceará ficaram empatados no querito variação, pois tiveram aumento de 50%. Porém, quando avaliada a taxa de mortes para cada 100 mil mulheres, o Ceará passou de 0,6 (2022) para 0,9 (2023), tendo registrado a menor taxa do país no ano passado. Enquanto no RN, a taxa de mortes para cada 100 mil mullheres passou de 0,9 para 1,4.

Brasil

O estado com a maior taxa no ano passado foi Mato Grosso, com 2,5 mulheres mortas por 100 mil, seguido por Acre, Rondônia e Tocantins, com taxa de 2,4 mortes por 100 mil.

As menores taxas de feminicídio no país foram registradas nos estados do Ceará (0,9 por 100 mil), São Paulo (1,0 por 100 mil) e Amapá (1,1 por 100 mil).

Twitter
Facebook
Pinterest
WhatsApp

Sobre Portal Seridó 360

A revista eletrônica Seridó 360 foi criado no inicio do ano de 2018, pelo estudante de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, das Faculdades Integradas de Patos/PB, Iasllan Araújo, com o intuito de levar às notícias do Seridó Potiguar a uma única revista – esta.

E-MAIL

ARQUIVO

contato.serido360@gmail.com

WHATSAPP

ARQUIVO

ARQUIVO

ARQUIVO

Arquivos

ANÚNCIO

ARQUIVO

TAGS

ARQUIVO

Scroll to Top